Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘humanidade 4.0’ Category

“Você lê primeiro no meu novo blog, vai lá clique aqui

Datacenters em alto mar, para diminuir o impacto amibiental! Ser Frugal! A cada 8 horas de pesquisa no Google, consome-se o equivalente a um dia de energia na cidade de Las Vegas! Se nada fizermos sobre aquecimento global brevemente 2 milhoes de vidas serao ceifada! Fazer download de musica ajuda o planeta!

Veja abaixo a minha apresentacao sobre Green Tech, sustentabilidade e inovacao digital! Boas clicadas e Bon Voyage

Robot Fish

Anúncios

Read Full Post »

metro superlotado são Paulo

“As sete horas da manhã, a cidade está trabalhando. As ruas fervilham. Crepitam, roncam. São Paulo não é uma cidade. São Paulo é uma turbina em que milhões de mêcanicos se agitam alucinadamente. O ar treme. Estamos no porão de um navio. Esquentamos as máquinas. Agora, a partida não vai tardar, é uma cidade de alto mar… São Paulo é pesado e rude, sem alma nem virtude e, no entanto, um esplendor, um dos lugares enfeitiçados da nossa época?” Gilles Lapouge! 

Recentemente o Language Monitor colocou São Paulo como um das dez cidades mais Fashions do mundo! Repara-só, quanta efervescência criativa nas ruas de São Paulo! 

A Revista Wallpaper destacou a arquitetura de São Paulo! São Paulo na década de 90 foi eleita a Capital Mundial da Gastronomia existem mais de 50 tipos de cozinhas da mongólia a Sueca, do Tibet ao Vietnã! 

Aqui cabe gente do Sul, Norte, de outro continente! Cabe todo mundo! Olhe em volta, tem gente do mundo inteiro! Eu sou o retrato de São Paulo, meu pai filho de italianos e minha mãe filha de índios e mulatos! Aqui cabe você, você e você! Passei minha infância colhendo tartarugas na praça de república e nos dias quentes nadando no chafariz da praça da Sé! Garotos inconsequentes minha mãe falava ;0)

Então eu compartilho com você, vem pra cá e caminhe no jardim Botânico e o esplendor de Burle Marx. Vá até o pavilhão Japonês no parque do Ibirapuera. Veja a elegância dos jardins, embriague-se na Vila Madalena, pedale por moema e contemple a grandiosidade da Avenida Paulista, seus cinemas, seus museus e seus sorrisos!

Vá até  a barulhenta 25 de março, a oriental Liberdade, a elétrica Santa Efigênia, adentro no Centro de São Paulo, comece no opulente Colégio Caetano de Campos, cruze a Onipotente Catedral da Sé, a charmosa casa da Baronesa de Santos, a simplicidade do Páteo do Colégio, as cores do Viaduto do Chá e a Grandiosidade do Teatro Municipal escorregue na trepidante zona menestrel e sua boca do lixo. Perceba a dualidade de São Paulo. Rica e miserável, bela e feia, acolhedora e assustador. 

Ai você vai entender o que Lapouge quiz dizer com “Você caminharia durante semanas por todas essas ruas, consultoria dez mil guias e mapas, perguntaria o caminho a todo mundoe jamais entraria na cidade. Então, essa cidade, que coisa enervante, onde ela está? Você está reduzido a imagina-la, e que cidade será esta, para ter direito a um subúrbio desses?”

Seja bem vindo, e quando visitar São Paulo se desejar serei um sorridente guia! ;0)

E você conte para nós sua história de São Paulo, conte para a Humanidade 4.0 o que você recomenda nesta cidade? Compartilhe!

Este post está em Beta e será sempre atualizado! ;0)

 

Avenida São João em São Paulo em 1952 São Paulo hoje

Read Full Post »

Em 2002, o governo Brasileiro aprovou diretrizes do projeto “Desenvolvimento do software livre” Este projeto ganhou corpo, e hoje, o Brasil é a grande referência de open source para e-gov.

Grandes governos estão de olho em nós! Um decreto presidencial, definiu que os ministerios e orgãos governamentais utilizem open-source . O “Connectiva” a versão Brasileira do Linux é uma referência! O Banco do Brasil, Petrobras, Correio já utilizam!

O Ministério da Cultura fez seu site na plataforma gratuita wordpress.

Em São Paulo, telecentros utilizam programas de software livre! (Open Office versao gratis do Office da Microsoft) O Governo declarou que pagava $500,00 para a Microsoft por cada computador do governio Federal! A Economia é de $ 120 milhões ano!

O Ceo da Sun Microsystem, Jonathan Scwartz, declarou que o Brasil é um exemplo a ser seguido e a nossa comunidade de “free and open source software” é uma das maiores, mais criativas e vibrantes comunidades de programadores pelo mundo!

E você, ainda vai ficar pagando licença para software?

comunistas digitais

Read Full Post »

Em 2008 fiz dezenas de palestras falando da humanidade 4.0, abaixo você poderá ver a minha palestra no Rio Info 2008. Agora em 2009, uma palestra diferente sobre a democracia das redes sociais e suas micro tendências! Uma palestra diferente, para cada local! Espero visitar sua cidade! 😉

Humanidade 1.0 - agrícola   Humanidade 2.0 - Industrial Humanidade 3.0 - Técnológica Humanidade 4.0 Cyber espiritual  

Humanidade 5.0

Read Full Post »

Anos 70 - peçamos o impossível!

A Commoncraft é uma empresa da geração G! Ela faz apresentações de vídeo com qualidade!

Todas as empresas estão querendo usufruir das redes sociais! Poucas conseguem! A Commoncraft conseguiu! Como? Sendo Generosa! O seu trabalho fica disponivel, teste, usufrua, se gostar contrate! 

Já disse e insisto o que deve ficar escondido é o último capitulo de Lost! O resto compartilhe! Então veja os sensacionais e simples videos, sobre Twitter, Blog e redes sociais! Enjoy! thanks God Guys at Commocraft! 😉

Read Full Post »

menino rezando com seu cãozinhoFui o orador da formatura do ginásio e do colegial! Guardo até hoje as folhinhas com a minha mensagem! Guardo até hoje as minhas duas primeiras palestras!  

No ginásio, formei-me no Colégio Caetano de Campos, bem no centro de São Paulo, convoquei meus amiguinhos a mudar o mundo, a fazermos um pacto para ajudar os moradores de rua! Na minha tenra inocência, proclamei que o “Brasil é o país do futuro e o futuro somos nós! Aqui, estão os futuros empresários, politícos, intelectuais … vamos fazer um pacto  para mudar a humanidade” Meus amigos aplaudiram, meus pais se orgulharam. E o tempo passou … E ali, sem eu perceber, surgiu o meu conceito de Humanidade digital!

Anos depois, “montei” um blog chamado “Humanidade 4.0”, sempre em minhas palestras falo sobre esta nova forma de encarar o mundo, essa nova humanidade! Há tempos falo da humanidade e da internet o maior palco desta vila global. Outras vozes estão se juntando!

Sensacional quando o Presidente da França, Nicolas Sarkozy as vesperas do G-20 (Reunião dos 20 países) escreve sobre as expectativas da reunião: “O que o mundo espera de nós é que reconstruamos, juntos, um capitalismo renovado, mais regulamentado, mais ético e solidário” e completa “O fracasso nos é proibido, pois o mundo não compreenderá e a história não nos perdoará”

Sensacional é um mecânico em Londres que ontem 1 de Abril saiu as ruas para protestar no movimento “Dia da mentira financeira” e declara “Estou protestando contra as coisas do mundo, que vem desde a Babilônia”

Sensacional quando ontem leio o blog do meu amigo Luli Radfahrer e ele faz um post chamado a “Retomada do Humano”

Aos 13 anos na formatura do ginásio, na minha primeira palestra, algo me inspirou e enxerguei que sim, nós podemos construir uma humanidade diferente! Você vai ficar aí parado?

o grande governo acabou

Read Full Post »

Big Ben by stephen-hirdPassado alguns meses do inicio da hecatombe financeira, os culpados estão sendo julgados! Os culpados são O ex-presidente do Fed Americano Alan  Greenspan e a nossa querida internet.

Alan Greenspan acreditou que a internet interligaria as economias e as bolsas de valores criando um mundo mais rico e seguro , um mundo sem segredos! Ele errou!

No Celebre o discurso de Greenspan que no auge da bolha dotcom em 2000, afirmou que  a revolucao digital que encolheu o mundo em uma “vila global”  que qualquer sinal de corrupção e erros seriam expostos em praça pública e propagou “A informação deseja ser livre”Allan, percebeu que a Internet estavam dividino ações e hipotecas em minúsculos pedaços, reembalando e vendendo em todo o mundo! Percebeu que o comércio electrónico impulsionou comissões a quase zero e as  negociação acontecem sem fios a partir de qualquer lugar, a qualquer momento. Tudo em tempo real

Muitos culpam o excesso da informacao, ou seja estava tudo la e ninguem viu! Bastava apenas ”googar”. Era Tanta informação disponivel que criou um grande nevoeiro e ninguém viu? Amigos, comprem binóculos para dias nublados!

Alguns, acusam que a internet fez com que os mercados financeiros fossem invadidos por homer brokens, jogando nas bolsas como jogam em um videogame. Informações, antes privilegiadas agoram eram trocadas em mensagens instantaneas e forum de discussões sobre economia! Ainda bem, que o twitter ainda não era uma febre global! 😉

Que injustiça! A internet fez a parte dela, entregou informação para as massas! Deu poder a investidores individuais, deixou tudo mais transparente e criou uma geracao de economistas nas horas vagas!

A Internet tornou possível para alguém com uma conta em uma corretora on-line e uma conexão de banda larga tornar-se um investidor global, mas com a liberdade, vem sempre uma grande responsabilidade:

Com a democracia das redes sociais, milhares de pessoas enxergaram que os derivativos seriam uma forma fácil de ganhar dinheiro!

Se uniram e criaram a comunidade “Sou mais esperto invisto em derivativos” e despejaram U$ 668 trilhões de dólares! Perderam! Entendeu a crise? 😉

Rendo-me a culpa é da Internet. A culpa não foi da ganância humana, da falta de punição, da nossa petulância e de todas as bobas vaidades humanas. Francamente! 😉

Post: inspirado em artigo de Paul Kedrosky  para a Newsweek

Vende-se

Read Full Post »

Older Posts »