Feeds:
Posts
Comentários

Archive for novembro \29\UTC 2007

Gosto muito dos internet boomers! Gosto bem pouco de games! Escutei de um especialista em games que pessoas passam 16, 17 horas jogando seguidamente.
Certamente estão fugindo da realidade!

Muito já se discutiu que Games são á mais poderosa ferramenta de educação da sociedade Imediatista. Estou desconfiado que este dircurso foi elaborado pela indústria de Games. Muito, muito desconfiado.

Entendo que nas megalópoles mundiais, não existe espaço para jogos, muita violências, brutalidade espiritual, disonância cognitiva e falta de visao social são as premissas das ruas.

Dois livros foram lançados jogando uma luz sobre a rua, educação e os internet boomers.
Eduardo Botini autor do livro “Mãe da Rua” definiu “Meu livro trata a rua como um espaço público da socialização” e o livro Giramundo de Renata Meireles, diz “Ao fazerem os próprios brinquedos, os meninos criaram e recriaram o que os outros já criaram.

Será que a bolinha de gude, taco, pique esconde, carrinho rolimã e improvisar brincadeiras não podem ajudar na educação dos internet boomers? Será que aquele momento sublime que você abraça seu parceiro de taco, após uma jogada espetacular, não poderá ensinar companheirismo, amizade e sentimento puro?

Milhares de garotos, criando amigos virtuais, criando guerras, usando avatares falsos!
Sera que não estamos criando uma geração sem senso da realidade, isento de sentimento e compaixão? Nossa sociedade precisa de tantos games de guerra e luta?

Nunca na humanidade as crianças e jovens sofreram de doenças como depressão e stress! Será que esse mundo de games, onde nunca estamos sozinhos mas sempre solitários criou um universo sem pigmento?

Ontem sonhei, que era criança novamente e meus amigos estavam gritamdo na janela, porque estava na hora do futebol no campinho! E depois de horas na rua eu voltava para casa sujo, cheio de histórias e com novos amigos! Ai que saudade!

Henry Cartier Bresson - Rue Mouffetard foto de 1954

Baseado na matéria “Vai brincar na rua, moleque” de Franscico Quinteiro Pires do Jornal Estado de São Paulo.

Visite e relembre os saudosos tempos PROJETO BIRA – Brincadeiras infantis da Região Amazônica

Anúncios

Read Full Post »

Web o que?

Palestrei na Jornada 2.0 de Tecnologia do Banco do Brasil, e um novo amigo blogueiro o Marco Antonio de Carvalho em seu blog Boteco da Koruja comentou sobre minha palestra e escreveu sobre as definiçõesde web 1.0, 2.0, 3.0 e 4.0 … ufa! Muito interessante! E Replico aqui;

Web 1.0 – podemos dizer que foi o inicio da Internet, ou seja, a implantação e popularização da rede em si. Gente gerando conteúdo estático e mais tarde dinâmico. Mas sempre unilateralmente, ou seja, havia um gerador e um consumidor de conteúdo e isso era bem definido e claro.

Web 2.0 – Isso que muita gente tenta vender como novidade, já é realidade. Afinal, o conceito de troca de informação de modo colaborativo centrada nos mecanismos de busca como Google e nos sites de colaboração, como Wikipedia, YouTube e os sites de relacionamento social, como o Orkut estão aí já tem um tempinho. A Internet Architects divulgou a versão 2.o do seu mapa de tendências web para 2007. Este documento congrega os mais bem sucedidos sites da web 2.0 ordenados por proximidade, popularidade e perspectiva.

Web 3.0 – A idéia é organizar de todo o conhecimento disponível na Internet para uso de maneira mais inteligente através de Sistemas Colaborativos. Podemos dizer que seria a interação de dados, fazendo com que as informações sejam partilhadas e modificadas por todos envolvidos no sistema. É muito mais uma inovação em função da estrutura do sites do que do usuário. Um problema bem conhecido desde da Web 1.0 e que não foi resolvido na Web 2.0 é que seus dados não se encontram num site, mas num banco de dados. Eles não estão na web, não podem ser manipulados. A Web 3.o pretende definir uma nova arquitetura de dados e assim levar/elevar a forma de World Wide Web/Rede Mundial para World Wide Database/base de dados mundial, ou seja, passariamos de um mar de documentos para um mar de dados. A grande temática deverá girar em torno da Semântica (“significação”) que ganha grande valor, pois os mecanismos de busca se utilizará delas em suas pesquisas (Web Semântica), melhorando os resultados, e isso para o usuário será interpretado como Inteligência Artifical aplicada.

Web 4.0 – Pasme, sistemas operacionais na Web, ou seja, interatividade total, aplicativos rodando em servidores web compartilhando o processamento com a máquina cliente. Contudo acho bobagem tentar imaginar como será uma Web 4.0 quando nem compreendemos as potencialidades da Web 3.0.

A Nova Spivack, da Radar Networks, trabalham com uma linha do tempo que prevê o advento da Web 3.0 em 2010 e até mesmo uma futura Web 4.0 em 2020.” escreveu Marco. Tks Marco! 😉

untitled1.png

Read Full Post »

Em seu julgamento, Sócrates proclama que a sociedade Ateníense devia sentir vergonha por dedicar tanta atenção à conquista ao máximo de dinheiro, reputação e honra e nenhuma atenção e reflexão à verdade, compreensão e aperfeiçoamento da própria alma.”

Além disso afirmou “A riqueza não traz o bem, mas o bem traz a riqueza e todas as outras bençãos… E a busca do bem não é meramente uma forma de agir, mas também um projeto intelectual”

Poucas vezes na humanidade um pensamento, de milênios atrás foi tão atual. Você não acha?

Se os Ateníenses tivessem um pouco mais de preocupação com as riquezas da alma! Certamente o império da educação e da arte nunca acabasse! Talvez?

band_concert_disney_mickey-7851671.gif

Inspirado pelos livros “A república” Platão e o “O Sonho da Razão” de Anthony Gottlieb

Read Full Post »

lady-paris.jpglady-paris.jpglady-paris.jpglady-paris.jpglady-paris.jpg

Traga um jovem do século XV, XVII ou XIX, e leve-o em qualquer lugar deste século, e ele não reconhecerá onde está! Seja em um ginásio de esportes, um hospital, uma padaria, qualquer coisa! Porém, coloque ele em uma sala de aula e sim, ele saberá onde está.

A sociedade imediatista e o mundo.com, mudaram tudo! A única coisa que ainda não mudou foi a educação. O mesmo formato desde o tratado de Bolonha do século XIV. O mestre a frente e os alunos sentados, escutando e muitas vezes com quase nenhuma discussão.

Não está na hora de rediscutir a educação? Em um mundo conectado 24 horas, sem tempo, com vários formatos de integração mundial a educação como conhecemos não deve mudar? Um professor não deve usar o cyberespaço, suas redes sociais, blogs e novas ferramentas para ensinar os “Internet boomers”?

Meu amigo Conrado di Biassi, deu me um livro “A Escola dos Deuses” narrado por Stefano Elio D’Anna da Escola Européia de Economia que contém o seguinte manifesto sobre a Educação;

“Fundará uma escola do Ser, para quem tem um sonho a realizar … Nela se ensinará que o sonho é a coisa mais real que existe … Que isso que a humanidade chama realidade não é outra coisa se não o reflexo do seu sonho.
Criará uma Escola da responsabilidade, uma escola para filósofos de ação, em que ensina que felicidade é economia, que a riqueza, o bem estar e a beleza são direitos de nascença de todo ser humano.”

Precisamos de uma revolução educacional e individual, que abandona a lógica do conflito, de pessoas visionárias, capazes de harmonizar os antagonismos de sempre; Economia e ética, ação e contemplação, poder financeiro e amor.”

A missão da nova educação, é a preparação de líderes capazes de acreditar que a humanidade é a arte de sonhar! Conjugando o estilo, a cultura, a benevolência e o espiríto renascentista de ajudar o próximo!.

Eu acredito na forma de ensinar do filósofo grego Sócrates, primeiro interrogava, em vez de propor uma tese. Sócrates deixa o outro faze-lo, deixando o aluno chegar a resposta e conclusões por si mesmo. Desta forma, misturava seriedade com uma boa dose de despreocupação.

“Uma educação onde pedem-se razões, examina-se interferencias, aprimoram-se definições, deduzem-se consequências, rejeitam-se hipóteses.

Você concorda?

lady-paris.jpg

Ps: Conrado, muito obrigado pelo livro que me faz enxergar novas possibilidades. Especialmente em um a fase de perna engessada 😉

Inspirado pelos livros A” Escola dos Deuses” de Stefano Elio D’Anna e “O Sonho da Razão” de Anthony Gottlieb

Read Full Post »

Já afirmei e escrevi que a Internet. Mudou tudo. TV, Jornal, revista, livro … Na forma como conhecemos não existirá mais, questão de tempo! O caderno 2 escreveu que “Frutos da Internet estão realmente invadindo a TV.” Acaba de ser lançada a primeira série “sitcom” – estilo Friends, Roma, Lost … – se chama QUATERLIFE! Uma rede social para quem gosta de Tv na Web ou Web na Tv! Tudo começou em um blog! Episódios de 8 minutos distribuidos no Myspace! A história de seis amigos que nasceram sobre o signo da Era digital, com seus 20 e poucos anos e plugados no mundo.com.Todos personagens tem blogs, comunidades, você pode ser amigo deles, indicar amigos, se intrometer na vida deles. Esta tudo exposto lá, do que eles gostam, interesse e trabalho!

O mais interessante é como os personagens enxergam o mundo;

@ O que importa é ser criativo

@ Perserguir uma paixão

@ E fazer diferença no mund0 – Afinal e contas, somos quase 6 bilhões de pessoas e está difícil se diferenciar! 😉

Lendo os três pontos acima e se identificando com eles! Bingo, você é do signo digital!

A NBC (A TV Globo Americana) pagou uma fortuna pelos direitos autorais! E em 2008 produzirá capitulos de uma hora! Ou seja, pela primeira vez os internet boomers serão retratados na TV.

Para você que estuda cinema, artes, etc … produza algo bem legal, coloque na rede e venda para um grande grupo!

mice_shagging.gif

Read Full Post »

Hoje começa um feriado! É um feriado que começa em uma quarta e termina na outra quarta! Não é um feriado, e sim férias coletivas! Difícil empreender neste país!

Como para problemas sem solução, solucionado está! Como protesto, deixo hoje um vídeo que emociona-me. Antigo e atual. Duábil! Enjoy!

Read Full Post »

O projeto saber sorrir já conta com mais de 300 colaboradores! Agradeço a todos! E agora, só falta você! Toda semana chega doações! Se você quiser ajudar! Deixe um post no site

Todo mês você doa, 5 pastas de dentes ou 5 escovas ou 5 sabonetes! Se quiser doar mais será bem vindo! O que arrecadamos doamos para moradores de rua. Imagine, o que é não ter uma pasta e uma escova para utilizar! Imaginou? Ah, são 15.000 moradores! Conto com você! Que na verdade querem escovar os dentes para se sentirem humanos!

Um dia estava servindo chocolate quente e pão com frios no centro antigo de São Paulo. E um irmão morador disse “Amigo, você não tem uma escova de dente e uma pasta? Pois, amanhã vou procurar emprego e já faz uma semana que não escovo! E olha, minha carteira de trabalho! Eu já fui “gente” um dia”.

Entedeu? Este ato significa o resgate da cidadania. E afinal de contas, somos priveligiados acesso a educação e a internet! Você não acha?

Participei de um programa com a Mona Dorf (ex-Cultura e ex-Globo) na TV Ideal (Editora Abril) chamado a Confraria Ideal. Ela perguntou “Vamos ajudar?”

Para 5 executivos que realizam Trabalho Voluntário, seja nas empresas em que trabalham, seja por si próprios. Colaboraram Amador Alonso, Diretor da Serasa e Palhaço Adamastor nas horas “vagas” dedicadas ao voluntariado; eu, Pedro Funcke, Diretor da MWM-International e coordenador de projetos sociais da empresa e Sueli Freitas, diretora da Tintas Coral e representante dos trabalhos sócio-ambientais da Empresa.

Foi um papo muito agradavel veja mais detalhes, clique aqui.

Read Full Post »

Older Posts »